Festival Pé de Cachimbo 1 - Rebuliço Cultura Coletiva

O nascimento do Pé de Cachimbo. Um espaço cultural e colaborativo!

In Cultura Brasileira, Eventos by Raphael SanguineteLeave a Comment

A primeira edição do Festival Pé de Cachimbo foi um sucesso!!

Apesar de um ou outro problema na organização, naturais no processo de estabilização do festival enquanto evento, foi tudo muito lindo!

Às 16h a galera já estava chegando e curando o calor com umas geladas ao som de nosso DJ, que deslizava entre nomes da Música Brasileira Contemporânea como Céu, Tulipa, Criolo e muitos outros.

Ao som destes expoentes de nossa nova música, aos pouquinhos o Relicário da Lapa começava a encher.

Neste momento, o bazar já estava montado, com as peças das marcas lindonas Cinco Cinco 21 , Jazztopia e Brechó Bonequinha de Luxo prontinhas pra galera conhecer e fazer suas comprinhas.

Festival Pé de Cachimbo 1 - Brechós

Numa mudança de última hora, o 1º show ficou a cargo de Victor Mus. Como ele é o vocalista da Alogia, que também tocaria em nosso palco neste primeiro domingo, Victor e Alogia solicitaram a mudança. A preocupação era de que começando pela Alogia, Victor poderia desgastar a voz logo de cara, tendo em vista que o som de sua apresentação solo tem uma pegada mais tranquila e cadenciada que a do rock da Alogia.

Então, o querido Mus subiu no palco… e que showzaço!

Victor tem uma presença de palco espetacular. Ao lado de Gabriel Bing e com participações especiais de duas amigas poetisas, a 1ª apresentação do Festival Pé de Cachimbo foi um sucesso!

Pé de Cachimbo 1 - Victor Mus

No primeiro intervalo convocamos todos para conhecer um pouquinho dos belos trabalhos da pintora Maria Paganelli e da fotógrafa Olivia Nachle.

Paganelli, um prodígio nas artes visuais montou um mural com diversas de suas belas obras pra galera dar uma olhada:

Festival Pé de Cachimbo 1 - Maria Paganelli

E Olivia apresentou suas lindíssimas fotos do Rio de Janeiro e da beleza feminina em um varal em nossa área externa:

Pé de Cachimbo 1 - Olivia Nachle

O Palco Aberto também já rolou bonito neste primeiro intervalo. Com apresentações do “Grupo Sem Nome” (eles vão criar um nome em breve!) e do “Movimento Nefelista” encabeçado por Riko Viana, o público quase não teve tempo de respirar. Era muita parada maneira rolando!

E aí foi hora de entrar em cena A Bonanza de Bruno Amaral e seus teclados e pianos! O palco ficou pequeno pra tanta aparelhagem rapaz.

Mas foi só começar o show que sentimos de cara que valeu muito a pena conseguir espaço pra todos os instrumentos desta banda fantástica. Misturando estilos, A Bonanza levou a galera ao delírio. Lancem logo esse som na internet rapaziada! Estamos ansiosos.

Festival Pé de Cachimbo 1 - A Bonanza

Após o show d’A Bonanza, mais um pouquinho de palco aberto e dessa vez foi o momento de Marcelo Sanguinete (isso mesmo, meu irmão!) apresentar para o público “Marros Madeira, O Poeta Voraz do Rio de Atrás” e duas de suas obras mais recentes com minha ajuda e de Gabriel Spinelli.

Festival Pé de Cachimbo 1 - Marros Madeira

Com muita coisa boa já tendo rolado, faltava o toque final. Então a banda Alogia subiu ao palco pra finalizar o 1º Pé de Cachimbo com chave de ouro! Mais um show incrível, com a galera cantando junto as principais músicas. E a banda, que estava parada, já pensa em voltar à ativa. Eles já tem em mim um novo fã! Inclusive estou pra lançar a #voltaalogia nas redes sociais… 😉

Festival Pé de Cachimbo 1 - Rebuliço Cultura Coletiva

Ao final do evento, veio um sentimento de satisfação. Foi tudo muito lindo!

Junto à este sentimento de satisfação, veio um sentimento de “quero mais”….

Ainda bem que domingo que vem, dia 09/11/14 já tem mais…

Esperamos vocês lá! Aproveite e confirme agora a sua presença no Pé de Cachimbo #2.

Até lá! !

Afinal, Todo Domingo, Pé de Cachimbo!

The following two tabs change content below.
Raphael Sanguinete é Administrador de Empresas e um dos idealizadores da Rebuliço - Cultura Coletiva. Até acharmos alguém melhor (o que não é nem um pouco difícil por sinal), faz bico de editor e principal escriba da Revista Rebuliço. As postagens na Revista Rebuliço são de responsabilidade de seus autores e não necessariamente condizem com a visão do coletivo.

Latest posts by Raphael Sanguinete (see all)