Rebuliço Cultura Coletiva - Rádio Libertá - Parceiro

Rádio Libertá – Uma alternativa colaborativa de mídia

In Cultura Brasileira by Raphael SanguineteLeave a Comment

Hoje, vamos apresentar um de nossos grandes parceiros na produção do Festival Pé de Cachimbo: A Rádio Libertá.

Apoiando a Rebuliço desde o 1º Pé de Cachimbo, esta parceria cresce ainda mais com o convite para fazermos um palco do Pé de Cachimbo no evento “5Sentidos” e assim agregarmos na resistência pacífica através da arte.

O evento “5Sentidos” será um ato de resistência cultural em um ponto charmosíssimo do Rio, o Largo do Boticário, onde artistas, produtores e público se reunirão para promover uma tarde repleta de arte e contra a desapropriação e venda dos casarões históricos do local para grandes redes de hotéis de luxo.

Com uma proposta colaborativa e plural similar à do nosso festival, acreditamos que esta parceria será incrível e muito enriquecedora em um evento com uma intenção tão importante para a cidade e sua cena cultural.

E o que é a Rádio Libertá? Quem é essa galera que tá produzindo este evento foda?

Se eu fosse definir a Rádio Libertá pelo pouco que conheço de sua estrutura e de seus integrantes, eu a definiria como sendo um coletivo de pessoas muito motivadas para que a cena cultural independente carioca exploda!

Até aí, é o que a Rebuliço também tenta ser, e que outros coletivos são.

Porém, uma característica incrível da Libertá é a pouca idade de seus integrantes. Jovens de 18 a 23 anos em sua maioria, essa galera já tá produzindo muita coisa irada e alcançando objetivos muito importantes que estão levando ao seu rápido crescimento enquanto coletivo e produtora. Eu, com meus 25 anos, fico imaginando o que essa galera já não estará produzindo quando tiverem a minha idade. E isso é muito foda!

Rebuliço Cultura Coletiva - Rádio Libertá

Então vamos lá, e deixemos que eles se apresentem. Porque daqui a um tempo, você vai estar lendo sobre essa rapaziada em tudo quanto é lugar!

Marcos Quental, um dos fundadores e integrantes da Libertá, explica melhor as motivações e objetivos buscados por essa galera:

A Rádio Libertá é um coletivo multicultural que surge no contexto de falta de representatividade no Brasil.

Seja ela na forma de se dar a politica, ou nas relações econômicas, jurídicas, morais etc.

A falta de espaço para expressar aquilo que a rua fala, o povo escuta, e dali não passa.

Os veículos de mídia que desinformam e nos limitam, a velocidade das informações e a lógica do meio digital encurtando distancias. A necessidade de autonomia, de descobrir certos valores, de quebrar a parede entre a rua e a mídia. De se expressar e ter espaço pra isso, criar novos espaços, construir novos caminhos.

A Rádio Libertá surge nesse contexto. No Rio de Janeiro, em 2014. Brasil a Flor da pele, um grande caldeirão fervente de pessoas se organizando, com uma nova proposta.

Coletivos, grupos horizontais, plataformas independentes. Veículos de Mídia independentes.

A Rádio nasce como um veiculo pra essa informação que não é discutida, um veiculo para dar voz (e ouvidos) para as ruas e praças do país e do mundo. No coletivo todos são livres para criar seu programa, se expressar, discutir, musicar e aprender.

De forma pratica, o coletivo atua como uma produtora de eventos culturais. Por onde busca arrecadar fundos para o projeto da rádio. Dentro desses projetos culturais a Rádio busca passar um pouco dos ideais, e trazer essa nova forma de se relacionar e expressar. Sempre com o foco na arte independente.

Com a verba atingida e a rádio criada, o projeto busca ser uma plataforma para artistas independentes, através do site onde se pode conferir o trabalho de todos e ainda interliga-los e uni-los (a partir de um sistema de redes) para novas criações. A Rádio Libertá atuará como Web Rádio e aplicativo no celular, em uma tentativa de trazer mais pra perto a cultura do rádio.Marcos Quental

Aproveito este post pra agradecer novamente ao apoio da Rádio Libertá. Vida longa a essa parceria!

Então domingo, vem que tem 5Sentidos! Palco Libertá e Palco Pé de Cachimbo, além de diversas outras expressões artísticas.

Mais uma vez vamos tentar fazer de seu domingo não só mais um domingo, mas um dia de arte, música, alegria e cerveja!

Domingo, no Largo do Boticário.

Afinal, todo domingo, Pé de Cachimbo!

The following two tabs change content below.
Raphael Sanguinete é Administrador de Empresas e um dos idealizadores da Rebuliço - Cultura Coletiva. Até acharmos alguém melhor (o que não é nem um pouco difícil por sinal), faz bico de editor e principal escriba da Revista Rebuliço. As postagens na Revista Rebuliço são de responsabilidade de seus autores e não necessariamente condizem com a visão do coletivo.

Latest posts by Raphael Sanguinete (see all)